Prêmio Mulher


O QUE É O PRÊMIO?

2º Prêmio Mulher - Para quem faz um mundo melhor.

O Prêmio Mulher
é um reconhecimento exclusivo às mulheres do Espírito Santo e de Santa Catarina.

Propósito

O Prêmio Mulher nasceu com o propósito de valorizar e estimular as ações de quem busca construir um mundo melhor.

Prêmio

Criado com o intuito de valorizar e estimular as ações de mulheres que fazem a diferença em suas comunidades, o Prêmio Mulher teve quase 300 inscrições nesta sua segunda edição, entre as quais foram selecionadas 37 finalistas no Espírito Santo e em Santa Catarina.

Compromisso

Queremos reconhecer e capacitar as empreendedoras e gestoras públicas que possuem um importante trabalho de transformação social.

Reconhecimento

A escolha das vencedoras coube a uma banca avaliadora (setor público, privado, entidades de classe e ArcelorMittal), com base na criatividade do projeto, sustentabilidade, impacto, qualidade e clareza do material apresentado, além do seu potencial de transformação. A seleção envolve seis categorias de premiação: Acadêmica, Imprensa, Público Interno, Privado (MEI e ME), Público e Terceiro Setor.

Além do reconhecimento, a premiação busca estimular as mulheres a darem continuidade às ações de transformação social. Com esse objetivo, as finalistas tiveram acesso a um treinamento ministrado nas sedes da ArcelorMittal Tubarão (ES) e ArcelorMittal Vega (SC). O treinamento já foi o primeiro reconhecimento, antecedendo a premiação.

Símbolo

As vencedoras receberam ainda um pingente em ouro criado especialmente para a ocasião, inspirado no logo do prêmio. O pingente, aliás, contempla também as vencedoras da primeira edição do Prêmio Mulher.

Diversidade e Inclusão

Alinhada aos princípios e valores da ArcelorMittal, sobretudo à Política de Diversidade & Inclusão, a premiação é destinada às mulheres cis e trans. O Prêmio Mulher se une às demais ações que reforçam o compromisso da empresa com a formação de uma sociedade mais justa, diversa e com equidade. Dentre as iniciativas, destacam-se a adesão ao Fórum de Empoderamento Feminino, a Coalizão Empresarial para Equidade de Raça e Gênero e o desenvolvimento de Grupos de Afinidade em prol da diversidade. Para conhecer o Programa de Diversidade & Inclusão, clique aqui e acesse.

Categorias

O Prêmio Mulher cresceu e agora é composto por seis categorias. Podem participar as mulheres, cisgêneras e transgêneras, acima de 18 anos, residentes no Espírito Santo ou Santa Catarina e que estão à frente de negócios/projetos transformadores.

PRIVADO (MEI e/ou ME)

PRIVADO (MEI e/ou ME)

MEI: projetos de microempreendedoras individuais. ME: projetos de micro, pequenos e grandes negócios.

PÚBLICO

PÚBLICO

Categoria destinada às servidoras públicas das esferas municipal, estadual ou federal.

TERCEIRO SETOR

TERCEIRO SETOR

Categoria voltada para mulheres que comandam ONGs, associações, projetos e entidades sem fins lucrativos ou líderes comunitárias.

PÚBLICO INTERNO

PÚBLICO INTERNO

Empregadas da ArcelorMittal Aços Planos – Unidades Tubarão e Vega.

ACADÊMICAS

ACADÊMICAS

Estudantes da Graduação, Pós-graduação, Especialização, Mestrado, Doutorado ou Pós-doutorado.

IMPRENSA

IMPRENSA

Reportagem com tema de transformação social, publicada antes da inscrição e em veículos reconhecidos no mercado.

Clique aqui e acesse o Regulamento para conferir todas as informações.

Premiação

As propostas serão avaliadas por uma Comissão Julgadora, considerando os seguintes critérios:

  • Criatividade,
  • Sustentabilidade,
  • Impacto,
  • Qualidade,
  • Clareza e o
  • Potencial de transformação.

Serão classificadas quatro mulheres por cada estado e categoria/subcategoria, totalizando 56 finalistas.

Ao final, 14 mulheres serão vencedoras do Prêmio Mulher.

Edições anteriores

A última edição foi realizada em 2019 e contou com 89 inscrições, 32 finalistas e 4 projetos vencedores.
Todas as participantes são exemplos de mulheres que fazem a diferença, especialmente nas comunidades em que atuam.

Bartira Gomes de Almeida

“Ser agraciada com essa premiação foi um grande incentivo, demonstrando que estou colocando a minha energia no local certo. No Instituto Ponte promovemos a ascensão social dos nossos alunos em primeira geração e isso tem muito significado. Ações como essa desenvolvida pela ArcelorMittal iluminam muitos trabalhos valiosos.”

Bartira Gomes de Almeida | Categoria Terceiro Setor
Projeto "Instituto Ponte"

Edivana Poltronieri Almança

“A conquista do prêmio foi a confirmação de anos de trabalho ético, humanizado e de grande impacto social, transformando a vida de pessoas obesas e contribuindo para formação de mulheres empreendedoras. Empreender no Brasil requer muita resiliência e o prêmio mostra que somos capazes de vencer as barreiras quando temos um propósito nobre e bem definido.”

Edivana Poltronieri Almança | Categoria Média e Grande Empresa
Projeto “Não é sobre perder peso. É sobre ganhar vidas”

Francielle Teixeiras Rodrigues

“Participar de um prêmio significativo ao lado de mulheres grandes e empoderadas fez toda a diferença, pois reconheci a minha verdadeira capacidade. Vencer a premiação foi fundamental para fortalecer os meus objetivos, ampliando o acesso do Projeto Sensações para outras pessoas.”

Francielle Teixeiras Rodrigues | Categoria Micro e Pequena Empresa
Projeto "Sensações"

Juliana Roshner Vianna Toniatti

“Receber o prêmio me encheu de orgulho, pois trouxe a educação, em especial a educação na periferia, para a grande projeção estadual. Trazer luz ao nosso projeto com o reconhecimento e a validação da ArcelorMittal me fortaleceu como educadora e como uma mulher que, de fato, trabalha por um amanhã mais justo e mais humano.”

Juliana Roshner Vianna Toniatti | Categoria Setor Público
Projeto “Novo Jones”